atividade agrícola

 

 

A Freguesia de Rio de Moinhos é constituída essencialmente por manchas consideráveis de mato e de floresta, onde predomina o pinheiro bravo, é de um magnífico, ameno e aprazível vale, que dispõe de um extraordinário clima, condimentos necessários à produção de culturas hortícolas e outras, que nos dispomos aqui a tecer algumas considerações relevantes

Ao fazermos referência ao solo e clima de Rio de Moinhos, faltou-nos destacar Vieira Natividade, que passamos a citar "possuímos solos férteis e bafejou-nos Deus com um clima magnífico". Não é por acaso que em Rio de Moinhos se fazem actividades agrícolas muito diversas, com êxito económico.

Podemos considerar a vinha como a rainha das actividades aqui praticadas. Produzimos vinhos dos de melhor qualidade, não apenas na região demarcada dos vinhos do Dão, como também dos melhores vinhos produzidos no país. Podemos acrescentar, certos de que não erramos, ser esta actividade, em circunstâncias consideradas normais, a mais lucrativa da agricultura.

Em segundo lugar podemos referir as culturas hortícolas - Rio de Moinhos possui o melhor microclima do Distrito de Viseu, ou um dos três melhores para a sua produção. De entre os hortícolas produzidos podemos destacar: - Batata, Cebola, Alho, Cenoura, Feijão Verde e Seco, Couves, Repolhos, Alfaces, Morangos, Espargos, Nabos, Rábanos, etc. 

Em terceiro lugar façamos justiça à produção de fruta de grande qualidade tal como maçãs, pêssegos, peras, cerejas, figos, ameixas e citrinos (laranja, limões, tangerinas e outros), que consumimos e comercializamos a maior fatia.

A olivicultura, apesar da dificuldade da apanha da azeitona, da época difícil em que se faz, dos custos da apanha, etc.., ainda vai compensando fazer o seu belo azeite.

Embora em fase de decréscimo, os cereais ainda hoje se fazem com algum significado, destaque especial para o milho grão. Esta actividade já conheceu dias mais risonhos.

A floricultura, numa fase ainda um pouco iniciática e tímida, já começa a ter algum significado, muito especialmente em épocas festivas.